À beira do abismo!

Argentina vs Perú 05.10.2017 Foto Maxi Failla

É assim que a Seleção Argentina está após o empate diante do Peru na noite desta quinta-feira pelo placar de 0-0 na Bombonera. Não adiantou trocar de campo e apostar na pressão da Bombonera, não adiantou contar com a “La 12” batucando sem parar, não adiantou mudar o ataque e escalar o “atacante que conhece a casa”, porque simplesmente NADA vem adiantando na Seleção. O ataque argentino mais uma vez criou bastante, mas mostrou a velha “anemia ofensiva” com que convive há tanto tempo e mais uma vez passou em branco no placar.

Com o resultado, a Argentina está fora da zona de classificação para a Copa do Mundo da Rússia, na 6ª colocação com 25 pontos, mesma pontuação do Peru, mas perdendo no número de vitórias e levando um baile no número de gols marcados: são 26 contra apenas 16 da Seleção que tem Lionel Messi, Paulo Dybala, Mauro Icardi, Angel Di Maria, Dario Benedetto e até outro dia contava também com Gonzalo Higuain e Sergio Aguero.

Torcida lotou a Bombonera para empurrar a Seleção. Foto: Santiago Filipuzzi/La Nación

A Argentina aproveitou a pressão da torcida e partiu pra cima logo no início da partida, sempre com Lionel Messi comandando o time, que criava boas oportunidades de gol, mas parava sempre no goleiro Gallese ou mesmo antes, no sistema defensivo peruano. Disposto a segurar o resultado, o técnico Ricardo Gareca não se arriscou muito e apostou nos contra ataques enquanto a equipe da casa carregava o mundo nas costas. As duas principais chances da Argentina surgiram com Messi, primeiro com sua famosa jogada de cortar pra esquerda e emendar rasteiro da entrada da área, mas a bola passou rente a trave de Gallese. Depois num cruzamento para Benedetto livre cabecear por cima do gol.

Di Maria: um fantasma em campo que foi substituído no intervalo

Na segunda etapa, antes do primeiro minuto Messi deixou Benedetto na cara do gol, mas Gallese salvou o Peru e no rebote o capitão mandou na trave. Na metade da segunda etapa Sampaoli apostou em outro jogador do Boca Jrs., o volante Fernando Gago que ficou apenas 4 minutos em campo e saiu lesionado, dando lugar a Enzo Pérez, do River.

Daí pra frente foi o famoso tango em compasso de “bumba meu boi”. Sem organização alguma e abusando do chuveirinho na grande área, o time não conseguiu mais criar boas jogadas e assustar a meta do goleiro peruano. Aos 45’, Messi ainda teve uma oportunidade de falta na entrada da área, mas mandou na barreira. E aos 47’ por muito pouco a Seleção Peruana não comete o “crime”, numa falta de Paolo Guerrero que mandou no ângulo e Sergio Romero se esticou todo para mandar a escanteio.

No fim, 0-0, decepção da torcida presente e um pé no abismo.

Sampaoli consola Messi ao final da partida: farão mágica sozinhos?

ARGENTINA: Romero; Otamendi, Acuña, Mascherano e Mercado; Biglia, Di María (Rigoni), Alejandro Gomez, Banega (Gago-Enzo Pérez) e Lionel Messi; Benedetto. Téc.: Jorge Sampaoli

PERU: Gallese; Corzo, Araujo, Rodríguez e Trauco; Peña (Cartagena), Tapia (Aquino) e Yotún; Flores, Farfán (Polo) e Paolo Guerrero. Téc.: Ricardo Gareca

 

Briga de foice

Ao final da penúltima rodada temos uma incrível situação: APENAS o Brasil está garantido na Copa do Mundo. Todas as outras seleções correm algum tipo de risco, umas mais e outras menos como o Uruguai, vice-líder com 28 pontos. Somente uma tragédia tira a Celeste do Mundial. Já as outras seleções se matam na última rodada, sendo o principal confronto entre Peru x Colômbia no estádio Nacional de Lima.

O Paraguai precisa vencer a já eliminada Venezuela no Defensores del Chaco. O Chile tem uma situação no meio termo entre tranquilidade e desespero. Apesar de enfrentar o Brasil em São Paulo, a equipe pode se classificar até mesmo com uma derrota que é provável.

Já a Argentina incrivelmente depende SÓ dela. Se vencer o Equador em Quito a Albiceleste estará classificada para a Copa do Mundo.

Mas é aí que mora o problema…

About the Author

Alexandre Silva
Quase ex-jornalista. Apresentador e repórter na Rádio Transamerica BH, mineiro e torcedor da Seleção Argentina desde a Copa de 98. @AlexandreSilva8

Warning: require_once(/home/futeb158/public_html/wp-content/plugins/facebook/includes/facebook-php-sdk/class-facebook-wp.php): failed to open stream: No such file or directory in /home/futeb158/public_html/wp-content/plugins/facebook/social-plugins/class-facebook-comments.php on line 255

Fatal error: require_once(): Failed opening required '/home/futeb158/public_html/wp-content/plugins/facebook/includes/facebook-php-sdk/class-facebook-wp.php' (include_path='.:/opt/php56/lib/php') in /home/futeb158/public_html/wp-content/plugins/facebook/social-plugins/class-facebook-comments.php on line 255